Linha do tempo, história de Tina, arte na vida de tina, Tina Carvalhaes

.

Desde que eu era pequenina a arte faz parte da minha vida. Minha avó Laura Bottrel era artista plástica e também fazia lindos artesanatos. Ela foi uma das primeiras artesãs a expor seus trabalhos na feira hippie (décadas de 60 a 80), que na época era na praça da Liberdade em Belo Horizonte.

Meu padrinho Milton Carvalhaes era um poeta e escritor. Minha madrinha Ivanda Bottrel, que era uma artista plástica talentosa, sempre me incentivou e ajudou a aflorar o lado artístico que havia dentro de mim desde pequenina.

Em 1991 fiz meu primeiro curso de fotografia e daí em diante eu sempre busco aperfeiçoar minhas habilidades. Gosto de desafios. Crescer e superar a mim mesma é meu eterno desafio.

O artista, em especial o fotógrafo, tem um olhar diferenciado para o mundo. Nós enxergamos coisas que muitas pessoas não veem.

Quando um cliente me contrata para fazer a cobertura fotográfica de um evento ou para produzir um ensaio fotográfico de algum tema, eu entregarei a ele o resumo desse olhar sensível e privilegiado. Acredito sinceramente que existem coisas que ninguém veria, se eu não as tivesse fotografado.

Sou uma contadora de histórias através de imagens. A luz é meu pincel e a câmera fotográfica é minha tela.

Além de fotógrafa, também sou professora de fotografia. Pedagoga por formação, pós graduada em Pedagogia Empresarial, gosto muito de compartilhar conhecimentos. Eu dou aulas de fotografia para quem deseja aprender sobre esse universo maravilhoso.

Uma das características marcantes em mim é o amor e o respeito pelas pessoas. Meu desejo sincero é que os clientes se sintam acolhidos e realizados.

Se você deseja que eu conte a história de alguma parte de sua vida, entre em contato comigo. Farei tudo com muito amor.

Um abraço!

Tina Carvalhaes

Esta é Tina Carvalhaes.